22.8.16

"os excessos, os excessos
têm cuidado deles"
[d' inconsciente]

você desloca
eu flano

danço-euforia
sem movimentar

do visível:
breve espasmo

pelas entranhas_
convulsão

sonoro suspiro
sem calmaria

rebuliços
do teimar
em miragem

desértica

ir-fundo
sem alcançar

você oferta 
ou cala_

eu só sei
trocar

não me fio
nem libido

em polifonia
solitária

você me toca, 
mas não tateia, 

mapeia sem cartografar.

//

Nenhum comentário: