2.7.15

O Horóscopo

 de Bertold & Sr. Keuner 



O sr. K solicitou a pessoas que encomendavam horóscopos que dessem ao astrólogo uma data do passado, um dia em que uma felicidade ou infelicidade especial lhes tinha acontecido. O horóscopo devia permitir, até certo ponto, a compreensão do mistério. O sr. K não teve muito sucesso com essa recomendação, pois os crédulos recebiam de seus astrólogos dados sobre o favor ou o desfavor dos astros que não coincidiam com as experiências dos consulentes, mas eles diziam então, de modo irritante, que os astros indicavam somente certas possibilidades, e estas podiam, afinal, ter existido na data mencionada. O sr.K mostrou-se muito surpreso e colocou mais uma questão: " Também não me parece claro", disse ele, "por que, entre todas as criaturas, somente os humanos são influenciados pelas estrelas. Essas forças não deixariam os bichos simplesmente de fora. O que acontece, porém, se uma determinada pessoa é de Aquário, mas tem uma pulga de Touro, e se afoga no rio? A pulga talvez se afogue junto com ele, mesmo tendo uma constelação muito favorável. Não gosto disso.



Nenhum comentário: