2.4.15

: se é prece o que fazemos ao pé da cama :

Que o coração
quimérico
seja indômito
que não vire
a esquina
contraria
à pulsão
do córtex
[comando torpe
do sentir]

Que o órgão
vertido seja
bombeado
numa potência
onde o movimento
venoso reflua
[repetir-se
como modo de
ser explosão
& a própria
pólvora]

Que a carcaça
faça-se corpo

Que a distopia
debande
minha carne

Que as misérias
falhem
 por fim.
por nós.
amém.


Nenhum comentário: